Em tempos de grandes incertezas, surgem novas oportunidades: o Ensino à Distância

A adoção do ensino em regime de e-learning tem permitido providenciar, mediante o uso de ferramentas tecnológicas e plataformas digitais, o mesmo serviço educativo/formativo que o BabeliUM tem vindo a oferecer à comunidade há mais de 12 anos.

Em conversa com o diretor do BabeliUM, Doutor Jaime Costa

De que forma são os cursos de línguas uma mais valia para os participantes?

Os cursos de línguas são sempre uma mais-valia para os estudantes. Para os alunos da UM, o uso e conhecimento de uma língua, ou várias línguas estrangeiras, é uma ferramenta e uma chave indispensável para o mercado de trabalho. Por este motivo, são cada vez mais os alunos que procuram línguas estrangeiras fora do quadrilátero central de línguas europeias: Inglês, Espanhol, Francês e Alemão. No BabeliUM, línguas como o Italiano, o Japonês e o Coreano são igualmente procuradas por alunos que sabem que este conhecimento será um fator decisivo que marcará a diferença num CV.

De que forma serão os cursos em regime de e-learning ainda uma mais valia para os participantes?

Devido à interrupção da atividade letiva presencial, o BabeliUM transitou para um formato à distância em todos os cursos de línguas oferecidos, suprindo assim as necessidades dos nossos alunos. Neste sentido, o nosso esforço tem-se concentrado em continuar a fornecer cursos de línguas a todos aqueles que nos têm procurado tentando continuar a oferecer um serviço à comunidade (Universidade / Região do Minho) onde desenvolvemos a nossa atividade.

A transição para um formato à distância tem ocorrido de uma forma rápida e com toda a naturalidade. Estamos muito satisfeitos com esta experiência que consideramos altamente enriquecedora e frutífera para o BabeliUM e, principalmente, para os nossos estudantes que nos têm procurado e que têm conseguido continuar com os seus estudos neste momento de desafio para qualquer instituição de ensino. No momento presente, e por termos sido procurados pelos nossos alunos, temos em funcionamento mais de trinta cursos de línguas estrangeiras e de português como língua estrangeira.

Quais são os desafios que enfrentam com esta iniciativa?

O desafio tem-se dado duma maneira clara na adaptação de conteúdos para um formato didático-pedagógico que teve de ter em conta o ensino tecnologicamente mediado. Como é lógico, trata-se de um projeto ainda em curso, com todos os seus ajustamentos e alterações devidas e sobre o qual já temos um feedback muito positivo por parte dos docentes e dos alunos. Notámos, por exemplo, que os alunos aderiram facilmente a esta nova apresentação de ensino demonstrando mais desinibição e maior participação nas aulas algo que, em essência, é fundamental para qualquer processo de ensino-aprendizagem em línguas.

Testemunhos de alunos que frequentaram Cursos de Línguas Online no BabeliUM

Deixamos aqui o testemunho de alguns dos nossos alunos que frequentaram os nossos cursos na modalidade de Ensino à Distância e que se ofereceram para partilhar a sua experiência sobre o ensino tecnologicamente mediado.

Catarina Correia
Curso de Alemão »A1 iniciação Laboral
André Braga
Curso de Japonês A1 pós-iniciação
Larissa Friães
Curso de Japonês A1 pós-iniciação
Dolores Vázquez
Curso Livre de Inglês B1 Laboral
Daniel Fernandes
Curso de Alemão »A1 iniciação Laboral

Testemunhos de alunos: partilha de experiências

Alunos do Curso de Inglês B1 Escola de Economia e Gestão Turma 1

“Já frequento os cursos de inglês do BabeliUM desde o 1.º Semestre. (…) Gostei bastante de frequentar o A2 e sinto que evoluí muito durante esse tempo e, portanto, decidi frequentar o nível seguinte, o B1, onde também fiz bastantes progressos. Agora, feito o B1, e depois de toda esta evolução, não queria parar e deixar novamente o inglês de parte na minha vida (…).”
Sofia Magalhães

“A Prof.ª Isabel Pinto é fantástica! Para além de ter um grande conhecimento nesta matéria e outras, é impressionante como o consegue passar para nós (alunos). A forma como leciona as suas aulas é excelente pois consegue cativar a minha atenção do início ao fim (…) mesmo em modo online, onde a atenção tende a escapar (…).
Por tudo isto, estou muitíssimo satisfeita, pelo que pretendo continuar a minha formação no BabeliUM (…).”
Raquel Machado

“(…) Consegui melhorar imenso o meu conhecimento e, neste momento, sinto-me muito mais
confortável a ler, falar e escrever em inglês.
(…) As aulas proporcionadas pela docente Isabel Pinto são muito práticas e didáticas o que ajuda
imenso na nossa evolução. Para além disso os conteúdos abordados são direcionados para a
economia e gestão o que faz com que nos sintamos ainda mais confortáveis nas nossas áreas.”
Beatriz Veloso

Testemunho de Sara Mota aluna dos Cursos de Inglês A2 e Francês A2

“Frequentei 2 cursos de línguas, Inglês A2 e Francês A2 e embora se tenham realizado à distância correram bastante bem. Quero ainda salientar que ambas as docentes têm um desempenho muito positivo, são duas pessoas bastante humanas e fazem todos os esforços para que os alunos sejam bem-sucedidos nas respetivas aprendizagens. (…) Gostaria de referir que o curso de Francês foi além das expectativas, uma vez que neste momento, já nos encontramos a lecionar matéria de um  nível acima, isto talvez se deva ao facto de sermos poucos alunos e consequentemente, querermos aprender e reter o maior número de informação possível (…)”.

Depoimento de Mariana Costa aluna do Curso Livre de Inglês B2+ Laboral

Olá, o meu nome é Mariana Costa, sou natural de Braga e em fevereiro de 2020 inscrevi-me no curso de Inglês B2+ Laboral no BabeliUM. Tive apenas 2 aulas presenciais e após o encerramento da Universidade do Minho, estas aulas tiveram de ser feitas via online.

No início estava um pouco reticente quanto a esta alternativa, mas de facto era única disponível. Uma aula online não é de todo o mesmo que estarmos sentados numa sala de aula a interagir com as pessoas, mas ao fim de algumas aulas online achei que foi muito positivo.

A Professora adaptou-se muito bem a esta nova forma de ensino e sempre fez questão que todos estivéssemos a entender o que está a ser transmitido. Como devem imaginar, numa aula presencial é mais fácil de entender algumas coisas, porque a linguagem corporal também ajuda e apesar de todos nos estarmos a ver numa aula online (com a câmara ligada), algumas falhas na internet podem não permitir uma fácil comunicação.

Por outro lado, quando se pretende fazer trabalhos de grupo, a ferramenta usada (Zoom) permite que se criem “breakout rooms”, isto é, salas onde apenas estão algumas pessoas a realizar um trabalho específico. Ora, isto é muito positivo e até mais vantajoso do que estar presencialmente numa sala a falar baixinho com o colega do lado, porque deixa de existir interferência entre os grupos (barulho).

X